logoexposicao
logocnccr
planta-ndesporto
Clique na imagem para ampliar
Os homens fortes de amanhã

A implantação da República ocorreu num período de divulgação, nos meios urbanos, da actividade desportiva, até aí praticada por grupos sociais restritos. A ideia olímpica, conjugada com a explosão do associativismo cultural e desportivo que acompanhou o movimento republicano de 1910, vão desencadear uma primeira vaga do desporto de massas, centrada sobre a natação e os desportos náuticos, o atletismo e as corridas, com recurso às novas tecnologias do transporte, e os jogos militares do hipismo, da luta e da esgrima.

A educação física, desde o banco das escolas – como defendiam os republicanos -, seria a base para a formação dos “homens fortes de amanhã”: cidadãos e soldados de uma “raça” viril e regenerada.